Produtores iniciam colheita do plantio da Melancia no projeto Salangô II que conta com assistência técnica da Sagrima.

Produtores rurais do Projeto Sangalô II, beneficiados pelo programa “Mais Sementes e Mudas”, do Governo do Estado, começaram a colher produtos hortícolas e fruta cultivados em cerca de 30 hectares de terra, no município de São Mateus, a 180 km de São Luís. Dentre outros produtos, as famílias produtoras estão colhendo pimenta, quiabo, maxixe, cheiro verde, cebolinha, feijão e melancia.

A Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Pesca do Maranhão (SAGRIMA) participa de todo o processo produtivo com repasse das sementes, insumos e equipamentos agrícolas e assistência técnica especializada.

Os produtores comemoram o resultado do trabalho feito em parceria do Governo do Estado e o Projeto Sangalô. Para se ter uma ideia do sucesso da produção, a melancia, por exemplo, foi plantada em uma área de 3,5 hectares com produtividade média de 40 toneladas por hectares, ou seja, os produtores estão colhendo 140 mil quilos de melancia, no total. A venda desse produto vai gerar renda de algo em torno de 100 mil reais às famílias produtoras.

Mais sobre o Projeto Sangalô

O Projeto Salangô II, iniciado em 2018 no Município de São Mateus do Maranhão, está investindo na área dos projetos produtivos voltados para o Hortifruti, onde vem dentre outras culturas, apoiando e incentivando os produtores a produzirem melancia, cultura de bastante rentabilidade e de excelente qualidade. Os produtores estão sendo beneficiados por meio do repasse das sementes, insumos e equipamentos, assim como, da assistência técnica da equipe local da SAGRIMA.